August 16, 2018

Please reload

Posts Recentes

Largura mínima para corredores e escadas

May 22, 2020

1/5
Please reload

Posts Em Destaque

SONDAGEM DO SOLO

Vocês que acompanham nosso blog já devem ter notado que o Engenheiro Civil Marcio Meranca está realizando um compilado de postagem dedicado às fundações.

 

Causo não tenham acessado os artigos, segue abaixo:

 

ESTACA HÉLICE CONTINUA

FUNDAÇÃO ESTACA ESCAVADA TRADO HELICOIDAL

ESTACAS DE MADEIRA

FUNDAÇÕES ESTACAS DE AÇO

 

Partindo dos artigos acima, vou fazendo algumas perguntas para vocês e respondendo logo em seguida:

 

VOCÊS SABEM QUAL A RELAÇÃO ENTRE AS POSTAGENS?

         

A relação óbvia é que todos os artigos são diferentes tipos de Fundações, porem todas necessitam de algo em especial para a sua escolha.

 

Este “algo” que vai determinar se a fundação da sua edificação será de Estava Hélice Contínua, Escavada Trado Helicoidal, de Madeira, de Aço... ou até de outros tipos.

 

ENTÃO, O QUE DETERMINA A ESCOLHA DA FUNDAÇÃO?

 

 

A determinação da escolha da fundação é dada através da Sondagem de Solo. A Sondagem do Solo é um procedimento que tem sua função investigar o solo e nos mostrar os aspectos existentes, nos fornecendo o seu tipo, características físicas e principalmente sua resistência.

 

Ela é a etapa inicial e indispensável em qualquer tipo de obra, seja ela de porte pequeno ou grande. A sondagem vai determinar o tipo de fundação da sua obra e o dimensionamento dela. Com a sondagem é possível determinar a profundidade do lençol freático (água no subsolo).

 

É importante não somente para o dimensionamento, mas também para a determinação dos “acidentes”, tais com a existência de água, de matações e de vazios que possam influenciar o próprio processo construtivo.

         

QUAIS OS TIPOS DE SONDAGENS?

 

  • Sondagens Superficiais

 

As sondagens do tipo superficiais, sendo elas não muito precisas, são utilizadas para primeiro e generalizado reconhecimento de uma região, podem ser realizadas através de registros fotográficos por aviões ou satélites.

 

A interpretação dos resultados deste tipo de sondagem requer um conhecimento especializado sendo que as informações coletadas sempre são os levantamentos topográficos e os tipos de vegetações que ocorrem no local.

 

Sondagens com Resistências Elétricas e por processo Sísmico são outros tipos de sondagens superficiais. Sendo usado para medir a resistividade do solo utilizando correntes elétricas através de eletrodos aplicados na superfície do solo.

 

O processo Sísmico se mede através da velocidade de propagação de ondas vibratórias no solo.

 

  • Sondagens Profundas

 

As sondagens do tipo Profundas são, por exemplo, executadas através da abertura de poços com profundidades de até 6 metros, permitindo que a análise do solo seja feita in loco, obtendo amostras, enviadas para laboratórios e fornecer informações sobre as características do solo.

 

O processo de sondagem mais comumente usado é o Ensaio de Penetração Normal ou “SPT – Standard Penetration Test” sendo ela regulamentada pela NBR 6484.

 

 Figura 1 – Sondagem SPT (Fonte: http://www.politecnicaengenharia.com.br/)

 

Como podem ver na Figura 1, a sondagem SPT se trata da utilização de um equipamento com base de “tripé” e um quarto elemento, centrado, onde se realiza a penetração no solo um tubo de aço padronizado e com o nome de Amostrador Terzaghi.

 

Este amostrador possui um diâmetro externo de 2” e 1.3/8” de diâmetro interno, o mesmo é fixado a uma haste de 1” que vai sendo emendada por rosqueamento conforme o amostrador vai sendo aprofundado no solo por um martelo de 65 kgf à uma altura de 75 cm.

 

O amostrador é composto por duas meias-canas, que podem ser abertas para a visualização do solo retido.

 

O peso é lançado sobre o amostrador e conta-se a quantidade de golpes necessários para cravá-lo a uma profundidade total de 45 cm, contando-se intermediariamente o número de golpes para cada 15 cm. Interessa como resultado o número de golpes dos últimos 30 cm de cada metro perfurado.

 

Com esse número que se determina a resistência, a consistência, a compacidade e coesão do solo. A cada metro perfurado, são recolhidas amostras do solo retido dentro do amostrador, recebendo uma classificação visual, identificando-o quanto à granulometria.

 

A PARTIR DAS SONDAGENS, QUAL TIPO DE FUNDAÇÃO ESCOLHER?

 

 

Conforme já dito, a sondagem dos solos irá nos mostrar o tipo do solo e sua resistência a cada metro de solo, e é isso que se deve analisar para a escolha de sua fundação.

 

Para a escolha de sua fundação, dependendo do relatório de sondagem emitido, pode-se partir para as Fundações Diretas ou Rasas ou Profundas.

 

Figura 2 – Relatório de Sondagem SPT (Fonte: GRUPO AE)

 

A determinação da escolha da fundação direta ou rasa é dada a partir das cargas da edificação (superestrutura) que são transmitidas ao longo do solo nas primeiras camadas, ou seja, para que tenha esta escolha de fundação, as camadas precisam ter resistência para suportar esta carga.

 

Para a escolha deste tipo de fundação considera-se técnica e economicamente adequando o uso de fundação direta quando o número de golpes do SPT for maior ou igual a 8 e a profundidade máxima não ultrapassar 2 metros.

 

Já fundação do tipo profunda, quando obviamente a fundação direta ou rasa não for aconselhada, é escolhida quando no relatório de sondagem apresentar um número de golpes do SPT maior ou igual a 8 e estiver em profundidades maior a 2 metros.

 

COMO DIMENSIONAR FUNDAÇÕES?

 

A partir que você obteve o devido conhecimento e relatório dos tipos de solos e características existentes no local onde quer construir, você pode entrar em contato com o GRUPO AE que vamos oferecer o serviço de Projetos de Fundações com todo dimensionamento adequado para a sua obra e também dos demais complementares (Estrutural, Hidráulico e Elétrico).

 

Vamos construir? Vamos projetar? Vamos gerenciar sua obra?

Escrito por: João Vitor Hayashi Almeida Machado, Engenheiro Civil formado na Faculdade Pitágoras, em 2014. Cursando MBA em Gerenciamento de Projetos. E-mail: joao.vitor@aegrupo.com.br

Please reload

Siga