August 16, 2018

Please reload

Posts Recentes

Largura mínima para corredores e escadas

May 22, 2020

1/5
Please reload

Posts Em Destaque

SISTEMAS DE FORMAS DE MADEIRA PARA CONCRETO ARMADO

August 2, 2018

Como o próprio título já diz, Sistemas de Formas de Madeira, cujos componentes são todos de madeira, podendo ainda ser subdivididos em sistemas de formas de madeira Tradicionais e sistemas de formas de madeiras Racionalizadas.

 

Diferentes subsistemas que são fabricados com moldes em tábuas ou chapas de madeira compensada, estrutura do molde e escoramento em madeira serrada.

 

FUNÇÃO

  • Dar a forma ao concreto fresco na geometria desejada;

  • Obter superfície do concreto com a textura requerida;

  • Conter o concreto fresco e sustentá-lo até que atinja resistência mecânica necessária;

UTILIZAÇÃO

  • Fundações (blocos e sapatas);

  • Pilares;

  • Vigas;

  • Vigas paredes;

  • Cintas;

  • Lajes;

Figura 1 – Formas de Madeira para Fundações (Fonte: GRUPO AE – RESIDÊNCIA RM)

Link: https://www.aegrupo.com.br/residencia-rm

CUSTO

 

As fôrmas, de um modo geral, apresentam o seguinte percentual em relação a um edifício convencional:

  • 40% a 50% do custo total das estruturas de concreto armado;

  • A estrutura representa em média no mínimo 20% do custo total de uma obra;

  • Concluindo que o custo da fôrma representa 8% a 10% do custo da obra, sendo as fôrmas racionalizadas ou otimizadas;

  • Responsáveis por 60% das horas-homens gastas para a execução da estrutura, sendo os demais 40% pelas atividades de armação e concretagem;

Figura 2 – Formas de Madeira para Vigas (Fonte: GRUPO AE – RESIDÊNCIA RM)

Link: https://www.aegrupo.com.br/residencia-rm

 

NOMENCLATURAS

 

Os nomes mais comuns às peças que compõem as formas e seus escoramentos são:

  1. PAINÉIS: Formadas por tábuas ou chapas, elas formam as superfícies planas. Formam os pisos das lajes e as faces das vigas, pilares, paredes.

  2. TRAVESSAS: Usualmente feitas de sarrafos ou caibros, elas são as peças de ligações das tábuas ou chapas, dos painéis de vigas, pilares, paredes.

  3. TRAVESSÕES: Comumente feitas de sarrafos e caibros também, são as peças de suporte empregadas somente nos escoramentos dos painéis de lajes.

  4. GUIAS: Feitas com caibros ou tábuas, sendo que, se utilizadas tábuas, os travessões são suprimidos, são as peças de suporte dos travessões.

  5. FACES: Painéis que formam as laterais das formas das vigas.

  6. FUNDO DAS VIGAS: Painéis que formam a parte inferior das vigas.

  7. TRAVESSAS DE APOIO: Peças que são fixadas sobre as travessas verticais das faces da viga, destinadas ao apoio dos painéis de lajes e das peças de suporte dos painéis de laje (travessões e guias).

  8. CANTONEIRAS: Peças triangulares pregadas nos ângulos internos das formas.

  9. GRAVATAS: Peças que ligam os painéis das formas dos pilares, colunas e vigas.

  10. MONTANTES: Peças que reforçam as gravatas dos pilares.

  11. PÉS DIREITOS: Suportes das formas das lajes.

  12. PONTALETES: Suportes das formas das vigas.

  13. ESCORAS: Peças inclinadas, trabalhando a compressão.

  14. CHAPUZES: Feitas de sarrafos, são pequenas peças utilizadas como suporte e reforço de pregação das peças de escoramento, ou como apoio extremo das escoras.

  15. TALAS: Peças idênticas aos chapuzes, destinadas à ligação e à emenda das peças de escoramento.

  16. CUNHAS: Peças prismáticas, geralmente usadas aos pares.

  17. CALÇOS: Peças de madeira os quais se apoiam os pontaletes e pés direitos por intermédio de cunhas.

  18. ESPAÇADORES: Peças que mantém distancia interna entre os painéis das formas de pares, fundações e vigas.

  19. JANELAS: Importante função para a limpeza, são aberturas localizadas na base das formas.

  20. TRAVAMENTO: Ligação transversal das peças de escoramento que trabalham a flambagem.

  21. CONTRAVENTAMENTO: Ligação destinada a evitar qualquer deslocamento das formas. Consiste na ligação das formas entre si.

Figura 3 – Nomenclaturas Forma de Madeira para Lajes (Fonte: INTERNET)

 

Figura 4 – Nomenclaturas Forma de Madeira para Pilares (Fonte: INTERNET)

 

Figura 5 – Nomenclaturas Forma de Madeira para Vigas (Fonte: INTERNET)

Escrito por: João Vitor Hayashi Almeida Machado, Engenheiro Civil formado na Faculdade Pitágoras, em 2014. Cursando MBA em Gerenciamento de Projetos. E-mail: joao.vitor@aegrupo.com.br

Please reload

Siga